CURSO DE CIÊNCIA DO MERGULHO: POR QUE É TÃO IMPORTANTE FAZER?


Ter uma certificação Open Water Diver abre as portas para um novo mundo subaquático. Você se torna apto a tomar suas próximas decisões sobre seus mergulhos, juntamente com seu dupla, e podem explorar qualquer ponto de mergulho pelo mundo. Mas será que isso basta se você quer realmente se destacar e evoluir como mergulhador?


Nenhum outro esporte exige um conhecimento tão aprofundado de como o corpo funciona sob pressão. O mergulho com cilindro tem envolvimento direto com física, fisiologia e química, já que mergulhar afeta o corpo humano durante e após os mergulhos. E ter conhecimento específico do que acontece vai te trazer habilidades e atitudes muito mais maduras e conscientes.


O curso de Ciência do Mergulho SSI aumenta seu entendimento nestes tópicos, e traz informações adicionais sobre a teoria da descompressão, funcionamento detalhado dos equipamentos de mergulho, um pouco mais sobre ecologia marinha e outros tópicos tratados superficialmente no curso básico. Os bons mergulhadores estão sempre aprendendo. Nosso objetivo é melhorar seu conhecimento sobre o ambiente aquático e o mergulho recreativo, e garantir que você aproveite cada aspecto de sua experiência de mergulho.


Muitos profissionais da área médica também manifestam interesse neste curso, assim podem fazer diagnósticos e prognósticos mais precisos quando tratam de algum mergulhador que teve um problema no mergulho.


Continue lendo sobre o curso de ciência do mergulho ou veja um de nossos inúmeros vídeos gratuitos do canal do YouTube, este fala sobre o início do mergulho com cilindro e traz Jacques Cousteau e o início do mergulho scuba:



Física do mergulho

O mundo subaquático sempre fascinou os seres humanos. O entendimento dos efeitos do meio subaquático sobre o corpo humano, assim como o equipamento utilizado, requer a aplicação da física. Por isso, quanto mais conhecimento sobre a física do mergulho você tiver, mais preparado estará para qualquer situação que possa surgir.


Fisiologia do mergulho - você vai saber mais sobre:

1. Os parâmetros fisiológicos e as limitações para praticar mergulho com segurança;

2. Os efeitos fisiológicos nos seres humanos no meio subaquático;

3. Os fundamentos teóricos da fisiologia subaquática;

4. A prevenção das doenças do mergulho;

5. Os sintomas das doenças do mergulho;

6. As ações preventivas para impedir e/ou reverter qualquer lesão num mergulhador.

Discutiremos ainda a física do mergulho - a pressão, a volubilidade, a luz e o som quando estamos descendo.


O ar do cilindro de mergulho

Cada gás que respiramos (79% nitrogênio e 21% oxigênio – igual o ar que respiramos na superfície) sob pressão possui um efeito fisiológico, baseado na pressão parcial e tempo em que ficamos submersos. Ao submeter o seu corpo a ambientes de alta pressão, deve compreender como as descidas e as subidas afetam não somente você, mas também o seu equipamento. Além disso, o seu equipamento, a pressão, temperatura da água e a sua constituição física devem ser levados em consideração no mergulho. É importante compreender o funcionamento do sistema circulatório e respiratório quando submerso.


Alguns efeitos fisiológicos são difíceis de perceber, e é por isso que as regras básicas de mergulho existem. Você irá aprender a fazer a gestão do risco de maneira mais responsável.


Teoria da descompressão

No curso básico você aprendeu sobre a absorção e eliminação do nitrogênio no organismo e sobre a Doença Descompressiva. Toda essa informação pode ser resumida em três conceitos: profundidade, tempo e velocidade de subida.


Muitas pesquisas foram realizadas com o objetivo de desenvolver as tabelas e os computadores de mergulho, buscando informar quanto tempo você pode permanecer debaixo da água a diferentes profundidades, e como voltar à superfície em segurança.


Existe uma série de fatores que dificultam o monitoramento da profundidade e do tempo. Por exemplo, os modelos de descompressão são desenvolvidos para uso no nível do mar, mas o que acontece quando você mergulha na altitude e a pressão atmosférica é inferior a 1 bar? O que acontece quando você mergulha e depois voa ou dirige um carro subindo uma montanha, onde a pressão atmosférica é menor? E quanto ao mergulho descompressivo?


Nesse momento, você já deve ter percebido que administrar e controlar tanto a absorção de nitrogênio, quanto a sua eliminação, estão entre as atitudes mais importantes que deve ter como mergulhador.


Apesar das tabelas de mergulho e dos computadores executarem basicamente a mesma função, existem algumas diferenças importantes entre eles. Cada um desses métodos tem seu propósito, e também limites. O curso de ciência do mergulho fornecer informações adicionais para que você se torne um mergulhador melhor informado e com mais conhecimento.


A Importância do equipamento para o conforto e formação do mergulhador

Uma grande parte de qualquer treinamento de mergulho scuba envolve treinamento para uso e manuseio dos equipamentos de mergulho. Na verdade, a profissão de instrutor de mergulho, na qual um dia você pode estar envolvido, surgiu da necessidade de treinar as pessoas que compravam equipamento scuba e como deveriam usá-los de forma segura.


Quando o equipamento de mergulho se tornou disponível ao público em geral, a partir dos militares, as pessoas podiam simplesmente entrar numa loja, comprar um equipamento e mergulhar sem formação. Enquanto o esporte era originalmente limitado a poucos aventureiros aquáticos, o aumento da popularidade do mergulho atraiu pessoas do público em geral que necessitavam de formação, tanto no uso do equipamento como sobre estar embaixo d'água.


A necessidade de aprender a manusear os equipamentos, levou ao surgimento do ensino do mergulho. Ao longo dos anos, as técnicas de formação seguiram as mudanças nos equipamentos. O colete equilibrador e o inflador do colete, por exemplo, mudaram a forma de ensinar o controle da flutuabilidade, os procedimentos de superfície e os procedimentos de emergência. Estas foram peças importantes do equipamento que alteraram drasticamente a forma de os instrutores ensinarem e pensarem sobre o mergulho, e isso melhorou a segurança global e a acessibilidade do esporte.


Mas falar sobre os equipamentos de mergulho não é só sobre treinamento, mas sim sobre você. O mais importante sobre seu equipamento, especialmente se você tem os seus, é saber se está confortável e seguro para suas aventuras de mergulho. À medida que se familiariza com seu equipamento, sua habilidade crescerá e o seu nível de stress vai diminuir - o mergulho se tornará cada vez mais agradável.


Oceanografia do Mergulho

O ambiente aquático é constituído pela água e pelas criaturas que nela vivem. O estudo da água e das suas condições, é chamado de oceanografia do mergulho. Isso é importante, porque entender o movimento da água ajuda a planejar e a dominar as técnicas e habilidades de mergulho.


Para a sua segurança e diversão, quando você mergulha deve estar apto para avaliar corretamente as condições da água. Por isso, ter conhecimento mais detalhado sobre oceanografia, marés e correntes é realmente importante para um mergulhador comprometido. Esse conhecimento deve ser utilizado em cada mergulho e você vai ter mais detalhes no curso de ciência do mergulho.


Em resumo, se você se contenta somente com a teoria básica do curso básico vai ser mais trabalhoso e demorado evoluir como mergulhador. Descobrir as coisas na prática pode parecer interessante, mas no mergulho com cilindro as coisas vão ficar mais claras rapidamente se você souber tudo que já foi descoberto sobre o mergulho scuba, que não é pouca coisa!


Fora o fato de que você pode se colocar em risco sem saber e fazer isso repetidamente, o que não aconteceria se tivesse mais informações.


A Bora Mergulhar te espera para esse curso fascinante e enriquecedor, que vai te levar para outro patamar no mergulho com cilindro.

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo